domingo, 29 de abril de 2012

O Fruto do Espirito e...



Fidelidade


A sétima característica do fruto do Espírito apresentado por Gálatas é a fidelidade, palavra que tem sua raiz em fé – a qualidade de quem é confiável. Como uma propaganda que fazia chacota dos votos dos noivos na cerimônia de casamento – quando o noivo só aceitava prometer fidelidade à esposa se ela garantisse que continuaria com a beleza atual para sempre – nós também temos esta idéia implícita de que só vale a pena ser fiel se somos recompensados. Mas esta não é a fidelidade que vemos ensinada na Bíblia e no caráter de Deus. Se a palavra empenhada por muitos casais no altar vai sendo esquecida ao longo da jornada, Deus nunca se esquece de suas promessas e, mesmo quando descumprimos nossa parte, ele permanece firme.

Pergunta: Você se acha uma pessoa fiel? Poderia dar um pequeno exemplo?
Neste estudo, vamos entender melhor sobre a fidelidade e como podemos exercê-la como discípulos de Jesus.

1) Deus é fiel.

Deus sempre foi fiel. Leia Salmo 89:1. Deus é fiel a nós quando passamos por momentos dolorosos de conflitos e perdas. Por exemplo, o profeta Jeremias experimentou a fidelidade de Deus no meio de um cerco de exércitos inimigos em Jerusalém.

 Leia Lamentações 3:21-23. Considere a primeira parte do clássico hino Tu És Fiel, abaixo. Este é um exemplo muito bem versado de como a fidelidade de Deus se manifesta.

Tu és fiel, Senhor, ó Pai celeste,

Teus filhos sabem que não falharás!

Nunca mudaste, tu nunca faltaste,

Tal como eras tu sempre serás.

Coro

Tu és fiel Senhor! Tu és fiel Senhor!
Dia após dia, com bênçãos sem fim,
Tua mercê nos sustenta e nos guarda;

Tu és fiel, Senhor, fiel assim.


Deus também é fiel a nós em nossos dias de tentação. Leia 1 Coríntios 10:13.

a) O que a fidelidade de Deus significa para você?

b) Como o fato de Deus ser fiel afeta sua atitude diária e seus planos futuros?

c) Deus é fiel a você mesmo quando você peca? O que isto significa para você e para seus relacionamentos?

d) Com qual afirmação você mais concorda?

1) Deus é fiel, sendo eu fiel ou não.

2) Deus não é fiel. Ele já falhou comigo.

3) Deus é fiel a ele mesmo, mas não a mim.

Por que razão você escolheu tal opção? Qual a diferença prática entre as três posições? Você se sentiu tentado a concordar com mais de uma? Por quê?

2) Deus nos chama a uma vida de fidelidade.

Deus nos chama a uma vida de fidelidade na doutrina, na atitude, no estilo de vida, e até quando passamos por provações e perseguições. Ele também deseja que sejamos fiéis às pessoas em nossos relacionamentos.

Leia Mateus 23: 23 e 3 João 1:1-8.

a) Na passagem de Mateus, Jesus queria dos fariseus atitudes de justiça, misericórdia e fé. Ao invés disto, o que eles faziam? Por que Jesus ficou irritado com a atitude deles? Qual tipo de fidelidade deve preceder nossas práticas religiosas?

b) Na carta de João, ele louva a seu amigo Gaio por sua fidelidade. Como a fidelidade de Gaio era demonstrada e em que era diferente da atitude dos fariseus?

c) Se uma pessoa que segue a Cristo deve ter a marca da fidelidade do Espírito Santo, como deve ser nossa fidelidade:

 No casamento?

 No trabalho?

 Com os filhos?

 Com a igreja e sua liderança?

 Com Deus?

Você tem o desejo de permitir que o Espírito Santo produza fé e fidelidade em sua vida? Como todas as outras características do fruto do Espírito, nós começamos admitindo que Não temos condições de produzi-la com nossas próprias forças. Sendo honestos com Deus sobre nossas fraquezas, podemos nos abrir para que ele nos mude. Comece pedindo que ele mostre as áreas de infidelidade em sua vida e comece a transformá-las.


Decisão final: Escolha alguém do grupo e compartilhem uma destas áreas de infidelidade em suas vidas. Orem um pelo outro e façam compromisso rumo à mudança de atitude.

Fonte de estudo: 8 IP de BH

terça-feira, 24 de abril de 2012

Li num livro...

"É importante afirmar que o liberalismo é um veneno mortífero. Aonde ele chega, mata a igreja. Há muitas igrejas mortas na Europa, na América do Norte e, agora, há igrejas que estão flertando com esse instrumento de morte também no Brasil. Não temos nenhum registro de um liberal que tenha edificado uma igreja saudável. Não temos nenhum registro de um liberal que tenha sido instrumento de Deus para um grande avivamento espiritual...."

Trecho do livro: De: Pastor A: Pastor - Rev. Hernandes Dias Lopes

1ª Epistola de Paulo aos Brasileiros ..

Recebi por e-mail e compartilho, pois é verdade!!




Prefácio e Saudação

Paulo, apóstolo, não da parte de homens, mas por Jesus Cristo e por Deus Pai a todos os santos e fiéis irmãos em Cristo Jesus, que se encontram em terras brasileiras, graça e paz a vós outros.

Exortações à Igreja

Rogo-vos para que não haja partidos entre vós. Mas vejo que é isso que está ocorrendo, pois uns dizem: eu sou de Malafaia; outros, de Macedo; Outros do Waldomiro, outros, do Soares; outros de Feliciano; Quem é Malafaia? Quem é Macedo? Quem é Soares? Quem são eles? Por acaso Cristo está dividido? Não são neles que devemos
postar nossos olhos, mas em Cristo, o único que morreu por nós. Vejo que ainda sois meninos na fé quando o propósito de cada um é só buscar bênçãos para si, visando os próprios interesses e não o interesse do Corpo. Digo-vos que a maior benção já vos foi concedida na cruz quando fostes resgatados da morte e das trevas. Agora, aprendam a viver contentes e dar graças a Deus por tudo .

Sinais e Prodígios

Assim como os judeus pediam sinais em minha época , há muitos que só pensam em prodígios e maravilhas: fazem correntes e marcam hora para as curas se efetuarem, e eu já havia advertido aos seus irmãos de Tessalônica que tão somente orassem o tempo todo, pois apenas Deus é quem sabe a hora de atender Eu mesmo deixei Trófimo doente em Mileto, o amado Timóteo foi medicado enquanto esperava o Senhor curar sua gastrite, e Epafrodito adoeceu mortalmente chegando às portas da morte . Por que entre vós no Brasil seria diferente?

Outras admoestações


Estão fazendo rituais para amarrar demônios e declarar que as cidades do Brasil são do Senhor Jesus. Nunca vistes isso em mim e em nenhum momento em Cristo. Pelo contrário, preguei o evangelho em Éfeso, mas a cidade continuou seguindo a deusa Diana. No Areópago de Atenas
riram e zombaram de minha pregação, e poucos aceitaram a palavra do evangelho; como eu iria dizer que Atenas era do Senhor Jesus? Em Corinto, a prostituição continuou a dominar a cidade, e em Roma, as orgias e as dissoluções da família até se intensificaram no decorrer dos anos. Dizer que Roma pertencia ao Senhor Jesus seria uma frase que levaria ao engano os poucos irmãos verdadeiramente convertidos.
Na verdade muito me esforcei e fiz de tudo para ver se conseguia salvar a alguns. Nunca ensinei a reivindicar territórios, mas tão somente orava a Deus que me abrisse uma porta para pregar a Palavra .

Cuidado com os falsos apóstolos

Há muitos homens gananciosos aparecendo no meio de vós no Brasil dizendo que são apóstolos e criando hierarquias para exercer
domínio uns sobre os outros coisa que nunca aceitei. Porque tanta preocupação com títulos? Por que ninguém se contenta em ser chamado simplesmente servo? Pois é isso é o que realmente importa. Saibam que há muitos obreiros fraudulentos transformando-se em apóstolos de Cristo. Já vos advertira que depois da minha partida, entre vós penetrariam lobos vorazes que não poupariam o rebanho de Cristo, vós não lembrais disso brasileiros?

Sobre os dons espirituais

Soube que muitos estão preocupados com os dons. É verdade que eles são importantes, mas o Espírito concede a cada um conforme melhor lhe convém. Tenho percebido que valorizam principalmente os dons sobrenaturais – como falar em línguas, visões, curas e revelações – e esquecem-se que ensinar bem as Escrituras, administrar com zelo as coisas de Deus e promover socorro aos necessitados também são dons espirituais.
Mas o que eu quero mesmo é que estejais buscando para suas vidas o fruto do Espírito. De nada adianta ter fé suficiente para curar pessoas, transportar montes e expulsar demônios se ficais devorando uns aos outros, se não têm amor, se provocam rixas e intrigas entre si e dão mau testemunho.

Ofertas ao Senhor

Quanto às ofertas e sacrifícios, já falei por carta: no primeiro dia da semana cada um separe segundo sua prosperidade. Nunca fiz leilão de bênçãos do Senhor,
desafiando o povo a ofertar começando com 10 moedas de ouro até chegar ao que tinha um denário. O único sacrifício aceitável por Deus já foi feito na cruz pelo seu Filho Jesus, entendais isto brasileiros.
Quando Deus me der oportunidade de visitar-vos quero conhecer os que estão se enriquecendo com o Evangelho e enfrentar-lhes face a face. A piedade jamais pode ser fonte de lucro e se continuarem nessa sórdida ganância haverão de sofrer muitas dores.

A busca da verdadeira maturidade

É imprescindível que manejem bem a Palavra, pois chegou ao meu conhecimento que esta é uma geração tão ignorante nela que estão sendo enganados por lobos vorazes, que trazem enganos e sofismas, e a esses, de boa mente, os tolerais. Lembrem-se que quando preguei em Beréia o povo consultava a Palavra para ver se as coisas eram de fato assim . Porque não fazeis vós o mesmo? Ora, os ardis de satanás vêm sempre disfarçados na pregação de um anjo de luz. Vejo que entre vós há muitos acréscimos e deturpações daquilo que falei. Admoesto-vos a que não ultrapasseis o que está escrito .

As saudações pessoais
Rogo-vos, irmãos, que noteis bem aqueles que provocam divisões e escândalos; afastai-vos deles, porque esses tais não servem a Cristo, e sim a seu próprio ventre, seus próprios interesses. Em breve vos vereis.

A bênção
A graça do Senhor Jesus Cristo, e o amor de Deus, e a comunhão do Espírito Santo sejam com todos vós do Brasil .
Marcos Vinicios Habib Moreira
Presidente da Juventude Batista Serra dos Órgãos
Membro da Primeira Igreja Batista em Teresópolis-
RJ



Precisamos urgentemente voltar às Escrituras!

sábado, 21 de abril de 2012

Biscoito de Polvilho....

Tem um blog que sigo que tem algumas histórias encantadoras..
"Amor através das Mãos"
E de eu tirei essa receitinha de biscoito de polvilho!
Fiz a massa e botei a prole para modelar!
Diversão garantida e muita risada com os pequenos!
Bernardo diz que modelou ossos de dinossauro!





Olha aí Daniela!! Não ficou tão bem feitinho como o seu, mas valeu!!!






Recebemos até uma visita da Dona Joaninha...
Gostaria de saber como ela chegou aqui no 8 andar...
Fazia anos que eu não via uma!!

Bom sábado à todos!!
Por aqui ainda teremos pizza e cupcakes!

Bjk!

quinta-feira, 19 de abril de 2012

As canecas e eu...



Dia desses, andando por essas lojas Ching & Ling, dei de cara com essas 3 belezuras...
Adoro canecas! Tenho uma porção!
Acho aconchegante beber qualquer coisa nela...

Comprei essa de cima para mim...ainda veio com essa latinha fofa!



E essas aqui, comprei para meus filhotes!!

A cara deles!!  Meus amores!!


Coisinhas simples que alegram um café da manhã preparado com carinho!
Ahh! Deve estar perguntado cadê a do marido??
Dessa vez não comprei prá ele...

Decoraçao barata na cozinha!!!

No início minha parede só tinha esse puxa saco verde (que não combinava nada com minha cozinha! Eu havia comprado ele numa feira missionária, com a intenção de pintá-lo mesmo, mas ficou na minha cozinha por quase 2 anos... ) e tinha um relógio branco!

Daí... passei uma tinta branca e colei uns adesivos de galinha, e ele ficou assim!


Coloquei um relógio vermelho que comprei nas lojas Ching & Ling e mais essas koisinhas...





Tirei a idéia desse quadrinho daqui !!
A moldura (porta retrato) custou a bagatela de R$ 1,80.
Passei uma tinta vermelha, verniz e pronto!











Esse pendurador de ganchinhos paguei apenas R$ 5,50 nessas lojas Ching & Ling ..
Adoro essas lojinhas..tenho a impressão que os chineses sabem quais
são todas as "tranqueirinhas" úteis das quais precisamos, e vão lá e inventam!!


Aguardando chegar uma encomenda de luvas fofas para fazer companhia à essas...


Minha Petit Casseroles (brinde da Caras!!) que virou saleiro!!



Coloquei ela nesse cantinho, atrás do fogão, com minha lata reciclada porta colher de pau!!







Aproveitei e dei um "up" nesse coitado do porta rolo que estava com uma decoração meio ultrapassada também... fico combinando com o puxa saco.


Não gastei quase nada de din din "$$" e alegrei minha cozinha...
um canto da casa a qual passo bastante tempo..
Não precisamos de rios de dinheiro para ser feliz.
A alegria está nas coisas mais simples da vida!





Elas chegaram...luvinha e pegador de panela!!
Fofa..dá qté dó de usar!!


 PS: ESQUECI DE ESCREVER QUE TUDO ESTÁ FIXADO COM FITA BANANA!!
NADA DE FUROS!!!!


O fruto do Espirito e...




Bondade

As definições seculares de bondade são todas centradas no próprio homem, e segui-las produz apenas consequências negativas. A verdadeira bondade é centrada em Deus. Vem dele e é demonstrada em nós na maneira em que vivemos.
J. R. R. Tolkien, autor da saga O Senhor dos Anéis, escreveu em uma carta: “Nenhum homem pode ter certeza do que realmente está acontecendo no presente. Tudo o que sabemos, e praticamente apenas por experiência, é que as obras do mal obterão poder e sucesso em vão: apenas para preparar o solo para que o bem inesperadamente comece a brotar.

Pergunta: Qual foi a atitude mais bondosa que você já fez ou viu alguém fazer?
Neste estudo, vamos entender melhor sobre a fonte e os efeitos desta bondade na vida do discípulo de Jesus.

1) Deus é a fonte de toda a bondade e nos ensina que devemos ser bondosos.
Leia Salmos 34:8 e 100:5. Estas são apenas duas das muitas passagens que dizem que Deus é bom. Em outras palavras, Deus é o autor da bondade e é Ele quem a define. Deus também nos ensina que devemos espelhar esta bondade. Entretanto, uma transformação deve ocorrer em nós antes de tentarmos ser bons.
 Leia Romanos 12:2, 9 e 21. De maneira defensiva, devemos “odiar o mal e seguir o que é bom” (v. 9). De maneira ofensiva, devemos “vencer o mal com o bem” (v. 21), compartilhando a bondade com os outros de forma ativa.
a) Quais são as características que nos fazem identificar uma pessoa bondosa?
b) De acordo com Romanos 12:2, como começa nossa mudança em pessoas bondosas?
c) Na prática, o que significa “odiar o mal e seguir o bem”, e “vencer o mal com o bem”?
2) Deus quer que sejamos parecidos com Jesus.
Jesus morreu para que pudéssemos nos tornar pessoas boas e abandonar o antigo estilo de vida pecaminosa. Em nossa jornada para alcançá-lo, devemos ter três coisas em mente:
- É possível saber o que é bom sem fazê-lo;
- É possível fazer o que é bom sem ser bom;
- É possível viver uma vida em conflito entre bem e mal.
Jesus acusou os líderes religiosos de serem “sepulcros caiados” – limpos no exterior, mas podres por dentro. Paulo lutou com a mente dividida – o conflito entre sua natureza pecaminosa e a natureza espiritual.
Leia Romanos 7:17-24.
a) Se recebemos nova vida em Cristo, por que ainda lutamos com o pecado?
b) Dê um exemplo de algo que você sabe que é bom, mas que você falha em fazer.
c) Dê um exemplo de algo bom que você fez, mesmo sabendo que sua motivação não era correta.
d) Qual afirmação melhor descreve você?
1) Não tenho a menor ideia do que é ser bondoso.
2) Sei o que é ser bondoso, mas não sei como ser tal pessoa.
3) Sei que Deus é bom e eu peço a Ele para me fazer uma pessoa bondosa.
4) Sei que Deus é bom e eu faço o possível para ficar parecido com ele.
Por que você escolheu tal opção? Considerando que apenas a opção (3) trará resultados concretos, o que devemos fazer para chegar a este ideal?
3) Com Deus é possível ser bom e fazer o bem.
Tanto Paulo como Davi eram capazes de crescer em bondade diante de Deus e demonstrar isto em suas vidas, apesar das lutas que travavam contra o pecado.
Leia Salmo 51:10; Tito 3:1-8.
a) O que podemos aprender com a oração de Davi em Salmo 51:10?
b) O que na passagem de Tito nos dá motivação para sermos bondosos?
Devemos escolher qual definição de bondade queremos seguir: a bondade centrada no homem ou a centrada em Deus. Pelo poder do Espírito Santo, os discípulos de Jesus têm a oportunidade de adotar uma bondade focada em Deus e colocá-la em ação. Se tivermos nosso caráter transformado, isto será mostrado em nossas ações diárias.

Decisão final: Escolha um ato de bondade para fazer a alguém e compartilhe com o grupo antes e depois de fazê-lo.


Fonte de estudo: 8 IP de BH

domingo, 15 de abril de 2012

Um bom livro na hora certa!





Ganhei esse livro da querida irmã Mônica, com a seguinte recomendação:
 "Deus mandou eu te dar esse livro"
Achei tão tremendo, pois alguns questionamentos que eu fiz à Deus nessa semana, estavam na contracapa do livro, como "Deus realmente se importa com minha oração?"
Creio que algumas respostas virão!
Ás vezes, mesmo depois de tanto tempo caminhando com Deus, a gente se pega com alguns pensamentos, embora, já sei a resposta: É claro que Deus se importa!
Ele SEMPRE se importa!!
Bem, vamos ver o que me aguarda!



sexta-feira, 13 de abril de 2012

O que vc tem feito com seu tempo?

 
 
"Houve alguma nação que trocasse os seus deuses, ainda que não fossem deuses? Todavia o meu povo trocou a sua glória POR AQUILO QUE É DE NENHUM PROVEITO. Espantai-vos disto, ó céus, e horrizai-vos! Ficai verdadeiramente desolados, diz o SENHOR."
Somos a geração "sem tempo". Já ouvi muitas pessoas dizerem, que o dia precisava ter mais horas, para que pudessem concluir todas as suas ...tarefas e demandas. Sabemos que isso será impossível acontecer. Mas, façamos uma reflexão: Será que o que está faltando é tempo, ou o que está acontecendo é uma má administração dele. Deus é Sábio e sabe o que faz. Tem gente dizendo que não está tendo tempo nem para orar, ler a Bíblia, meditar. Ainda há aqueles que o pouco tempo que sobra, querem relaxar, espairecer, e aí ficam gastando seu precioso tempo em coisas que não são de nenhum proveito. E aí eu deixo por sua conta, classificar o que pode ser isso. Muito triste! Será que o seu tempo não está sendo gasto com essas coisas? Que não edificam, que não trazem maturidade espiritual... que até te distraem, mas causam espanto e horror diante de Deus! Ora, por favor gente vamos acordar, despertar desse sono indolente! A Palavra nos diz: "BUSCAI AO SENHOR ENQUANTO SE PODE ACHAR, INVOCAI-O ENQUANTO ESTÁ PERTO." Is 55.6
Faço minha as palavras do rev. Hernandes Dias Lopes: "Floresce em nossa Pátria uma igreja que tem extensão, mas não profundidade. Cresce em números, mas não em maturidade. Tem influência política, mas não autoridade moral. Faz propaganda de um pretenso poder, mas transige com o pecado."
Pode ser que muitos dos que irão ler esse texto; se é que vão lê-lo até o final; me considerem fanático, chato, instransigente. Pra esses só tenho a dizer que lamento muito.
Termino com as palavras do Grande Mestre em Mateus 22.29 "Errais por não conhecer as Escrituras, nem o poder de Deus." Meditação e oração. Para isso é necessário que haja tempo.
Que Ele, o Senhor da Igreja tenha misericórdia de nós!
 
 
Por Alessandro Ramos

segunda-feira, 9 de abril de 2012

O Fruto do Espirito e...



Benignidade

Efésios 4:25-32

Amabilidade, delicadeza, afabilidade (característica de quem é afável). Estes são alguns dos termos também usados para esta característica do fruto do Espírito. Se parece difícil definir o que seria na prática esta atitude, é só olhar para a vida de Jesus Cristo, aquele que apresentou com riqueza e intensidade cada uma das facetas do fruto do Espírito. A amabilidade de Jesus ia além desta atitude normal do homem comum. Ele era amável com “o justo e o injusto”, sua amabilidade não tinha limites.



Pergunta: O que é uma pessoa amável? Qual é a pessoa mais amável que você conhece?



Paulo escreveu aos efésios sobre várias maneiras de sermos mais amáveis com as pessoas à nossa volta e neste estudo veremos o que podemos aprender a respeito.

1) A amabilidade de Deus está ligada à Sua fundamentação na verdade.

Deus é verdade, e quando estabelecemos um relacionamento com Ele, devemos permitir que ele nos edifique através da verdade. Nossa vida deve ser marcada pela integridade.

Leia Efésios 4:25

a) Alguns acham que para ser sempre amável é preciso não dizer a verdade ao outro sempre. É possível edificar a amabilidade em cima do fundamento da mentira? Que tipo de relacionamento é este?

b) É possível ser amável e sempre dizer a verdade? Como o discípulo de Jesus pode fazer os dois?

2) A amabilidade de Deus se expressa em sua demora em irar-se.

A raiva provoca um curto-circuito em nossa capacidade de tratar os outros de forma amável e está em direta oposição à amabilidade com que Deus nos trata. Um autor conta a história de uma mãe que por muito tempo lutara para educar seu filho que, especialmente no início da adolescência, passara por um período de forte rebelião. Já um pouco maior, este filho foi ajudar a cuidar do filhinho de um amigo, enquanto este estava viajando. Diante do desafio, o rapaz ligou para mãe:

- “Mãe”, disse ele, “eu queria pedir perdão por ter sido um adolescente tão difícil”.

- “É mesmo?”, respondeu a mãe, “E o que fez você pensar assim?”

- “Só agora eu me dei conta de como você é amorosa. Quanto pior eu me tornava, com mais amor você me tratava”.

Leia Efésios 4:26.

a) O que faz você ficar com raiva ou ira de alguma pessoa?

b) Segundo o versículo, é possível ficar irado sem pecar? Como?

c) O que o fato de Deus não descarregar sua ira em nós pode nos ensinar quanto a nossa relação com outras pessoas? Você conseguiria dar um exemplo prático?

3) A amabilidade de Deus está ligada a Seu desejo de nos ajudar.

Ajudamos quando somos generosos com outras pessoas, querendo sempre o melhor para elas. Um bom exemplo disto aconteceu nas Olimpíadas de Inverno de 1964. Na corrida de trenó (bobsled) para duas pessoas, o time britânico liderado por Tony Nash ficou impossibilitado de descer a rampa ao descobrir que um dos cintos de segurança estava com defeito. Na base da rampa, após descer, o famoso competidor italiano Eugenio Monti ficou sabendo do ocorrido e desmontou o cinto de seu trenó e o enviou a Nash, que teve tempo de consertar seu trenó e fazer a descida, ganhando a medalha de ouro e deixando Monti com o bronze. Quando perguntado se havia se arrependido de ajudar Nash, Monti respondeu dizendo, “Tony Nash não venceu porque eu lhe emprestei o cinto. Ele venceu porque foi o melhor piloto”. A história da atitude altruísta de Monti se espalhou e ele ganhou a primeira medalha De Coubertin de espírito esportivo, que se tornou a medalha de maior honra ao mérito que um atleta pode receber.

Leia Efésios 4:29-31.

a) O v. 29 fala de “transmitir graça aos que ouvem” o que falamos. Algumas de nossas falas são claramente erradas (agressões verbais diretas). Mas que tipo de palavras que saem de nossas bocas não chamam tanto a atenção, mas podem não transmitir graça aos outros?

b) Quais seriam as atitudes contrárias (os antídotos) da lista do v. 31 (por exemplo, gritaria x falar manso)? Que relação esta lista de “antídotos” tem com a prática da benignidade? Você precisa do Espírito Santo para praticar esta lista?

4) A amabilidade de Deus está ligada à Sua compaixão e seu desejo de perdoar.

Compaixão está ligada à capacidade de sentir o que o outro está sentindo e fazer algo a respeito. Ela também nos impulsiona a perdoar porque Deus também nos perdoou.

Leia Efésios 4:32.

a) É possível ser amável sem ser compassivo? É uma atitude genuína? Por que precisamos de um enchimento de compaixão no coração para demonstrar a verdadeira benignidade?

b) Com qual afirmação você mais concorda?

1) Eu perdoo aqueles que me perdoam.

2) Eu perdoo até aqueles que não me perdoam.

3) Eu perdoo aqueles que mudam de comportamento.

4) Eu perdoo aqueles que merecem.

Por que você escolheu tal opção? Você se vê concordando com mais de uma afirmação? Como sua posição tem influenciado seus relacionamentos?

Salmo 27:10 diz, “Porque, se meu pai e minha mãe me desampararem, o SENHOR me acolherá”. Não há comparação da benignidade ou amabilidade de Deus e a nossa para com quem quer que seja.

Podemos estar seguros de que seremos aceitos por Cristo se dele nos achegarmos pela fé.



Decisão final: Compartilhe com alguém do grupo alguma situação que faz você constantemente perder a paciência e aproveite a ocasião para tentar descobrir, em oração, a raiz deste comportamento.


Fonte de estudo: 8 IP de BH




domingo, 8 de abril de 2012

Cruz!

"Jesus não quis ser lembrado por seu nascimento, juventude, obras, milagres, mas, ordenou a sua igreja que celebrasse Sua morte até que Ele venha! O maior símbolo do cristianismo não é uma manjedoura, e sim a cruz! A morte de Cristo na cruz é o ápice de todo ato redentivo de Deus para com a humanidade. É de extrema urgência que a igreja que se diz cristã, volte para a centralidade da cruz!"
 
Pr Alessandro Ramos
Culto de Ceia Memorial - Com. Evang. Missão Ágape
 
 
 

domingo, 1 de abril de 2012

De repente...38!

Hoje completo 38 anos! E como passaram rápido!


Ainda ontem eu tinha 20!...


Mas amo estar com 38 anos! É uma dádiva de Deus poder ver a família linda que construí, ver meu marido e meus filhos servindo à Deus com alegria... Que benção ter chegado até aqui!

Dia desses estava lembrando de quando minha saudosa mãe tinha essa idade...Pensava: "minha mãe está beirando os 40... Acho que está ficando velha!.."     

Que velha que nada!! Como sou feliz hoje! Jamais trocaria minha vida de hoje pela vida que tinha à 15 anos atrás...As pequenas e leves marcas de expressão que tenho em minha face, alguns fios de cabelo branco disfarçados entre minhas mechas, são a prova de que estou amadurecendo como mulher, estou crescendo, dia-a-dia...

Só agradeço à Deus pela saúde que Ele me deu, pela família maravilhosa que Ele me concedeu, por tudo o que Ele tem feito em minha vida!

Agradeço à Ele por ter me resgatado do império da trevas e por ter me oferecido perdão e paz, por ter limpado e curado minhas feridas, aquelas que ninguém via, mas que só Ele sabia onde doía.. Por ter me salvado da morte eterna!

Por causa do amor de Cristo em minha vida, hoje vivo leve, confiante, feliz, aprendi que não precisamos estar em primeiro lugar para vencer, que o choro pode durar uma noite, mas a alegria vem pela manhã, aprendi a valorizar mais o que tenho, e não ficar lamentando pelo que não tenho, enfim, aprendi a dar valor nas coisas pequenas e simples..


Muito ainda Ele tem que fazer em minha vida, e sei que fará, pois é
Fiel e completará a boa obra que começou em minha vida!







Obrigada Senhor!! Obrigada porque até aqui o Senhor tem me sustendado com Sua destra poderosa, obrigada por estar sempre presente em minha vida!!



Obrigada por tudo!!

O Fruto do Espirito e...


Paciência


Esse estudo falou muito ao meu coração, pois afinal de contas, em todos os momentos do nosso dia, precisamos exercer a paciência, seja no trânsito, seja no trabalho...

Que Deus fale ao seu coração!


Todos nós temos nossos momentos de impaciência. Alguns podem estourar com mais facilidade, enquanto outros aguentam mais um pouco, mas é improvável que exista alguém que nunca tenha perdido a paciência em certo momento da vida. Talvez seja como a história abaixo: Um jovem pai estava em um supermercado empurrando o carrinho de compras com seu filho pequeno na cadeirinha para crianças. O garoto estava inquieto e irritadiço e os outros clientes do supermercado faziam cara feia ao ver o menino jogando enlatados no chão e fazendo birra. O pai parecia calmo e de maneira controlada falava num tom ameno: “Calma Mateus, olha o que você vai fazer...”. Uma senhora, olhando a paciência daquele pai, disse-lhe: “Estou gostando de ver como você é um pai paciente, tratando assim seu filhinho”. E olhando para o garoto, disse: “O que está incomodando tanto você, Mateus?” E o pai logo respondeu: “Não, minha senhora. Este é o Lucas. O Mateus sou eu”.



Pergunta: Você já perdeu a paciência com algo e depois ficou profundamente arrependido?



Neste estudo, vamos entender melhor como exercer uma paciência genuína através do Espírito Santo em nossas vidas.

1) Deus quer fazer você tão paciente quanto Ele é.

A grande verdade é que Deus quer fazer com que você seja tão paciente quanto Ele é. Mas Ele não nos deixa só para cumprir a tarefa. O Espírito Santo provê o necessário para que isto se torne verdade, ainda que gradualmente, numa paciência que é ativa tanto para com o cristão quanto para com o não cristão.

Leia Êxodo 34:6 e 1 Timóteo 1:15-16.

a) Quais são as características de Deus relatadas no versículo de Êxodo? De que maneira estas características se relacionam com a paciência?

b) De acordo c0m o texto de 1 Timóteo, qual a atitude de Deus em relação aos pecadores e incrédulos (como Paulo foi um dia)? O que isto ensina a nós no campo da paciência (principalmente em relação aos que não são do nosso “grupo”)?

2) Deus quer fazer você paciente com Ele.

Deus deseja que também sejamos pacientes com Ele (de modo mais claro, com aquilo que Ele está agindo em nossas vidas). Nossa impaciência revela uma falta de confiança naquilo que Deus está fazendo em nossa vida. Com esta atitude estamos dizendo a Ele: “Se você ao menos fizesse as coisas como eu acho que deveriam ser feitas, tudo ficaria bem”.

Leia Salmo 40:1-5.

a) Você já se viu impaciente com Deus alguma vez? O que você acha que fez Davi ter paciência com o agir de Deus?

b) Segundo o v. 4, qual o efeito primário da impaciência em relação a Deus? Qual o antídoto para isto, segundo o v. 5?

c) Com qual afirmação você mais concorda?

1) Eu confio em Deus até as coisas virarem de cabeça para baixo. Aí eu perco a direção.

2) Eu confio em Deus não importa a circunstância, pois sei que Ele tem o melhor pra mim.

3) Eu confio em Deus até eu não entender o que Ele está fazendo. Então a confusão invade meu coração.

4) Eu confio que Deus tem sempre o melhor pra mim, mas às vezes é difícil aceitar isto.

Por que você escolheu tal opção? Você se vê concordando com mais de uma afirmação? Há diferença prática entre as quatro posições?

3) Deus quer fazer você paciente com as pessoas.

Devemos sempre nos lembrar de que devemos ser pacientes com os outros da mesma maneira que queremos que eles sejam pacientes conosco, ou mais do que isto, como queremos que Deus seja paciente conosco. Certo autor uma vez narrou sua experiência como avô: Eu estava visitando minha filha e ao chegar à sua casa meu netinho logo me puxou para ver algo nos fundos da residência. Eles haviam encontrado um ovo intacto de passarinho e o

colocaram num ninho feito de algodão embaixo de uma lâmpada que o aquecia a uma temperatura controlada enquanto acompanhavam com expectativa a quebra da casca do ovo. Minha filha colocara um pequeno cartão em frente ao experimento que dizia: “Silêncio! Estou em desenvolvimento.” Pensei como seria bom ter pendurado em meu pescoço um cartaz: “Calma! Estou em desenvolvimento.” Toda vez que alguém chegasse perto de mim pensaria: “Ele ainda está se desenvolvendo. Ainda não está lá, mas mesmo com as falhas no processo, está se

desenvolvendo”. E eu pensaria o mesmo das outras pessoas.

Isto é o verdadeiro exercício da paciência.

Leia Mateus 18:23-35.

a) A parábola reflete o relacionamento de Deus conosco e como isto deve se refletir em nosso relacionamento com os outros. Pensando a partir desta ótica, como você pode comparar o que recebe da paciência de Deus com o que você tem de paciência com as outras pessoas? A proporção entre o que você recebe e dá de paciência está equilibrada?

4) Deus quer fazer você paciente com as circunstâncias.

As circunstâncias da vida não deveriam nos fazer perder a paciência. Os profetas do Antigo Testamento, os cristãos da Igreja do primeiro século e Jesus são bons exemplos da paciência que Deus espera de nós quando somos confrontados com as circunstâncias da vida.

Leia Tiago 5:10-11.

a) Quando exercemos a paciência que recebemos do Espírito Santo, somos os únicos abençoados ou também abençoamos as pessoas à nossa volta? E quando perdemos a paciência, acontece o contrário na mesma dimensão?

b) Você conhece alguém que é exemplo desta paciência divina? Como a atitude dela abençoa sua vida?

Se você permitir, o Espírito Santo pode moldar seu caráter de acordo com o Fruto do Espírito. É possível que ele use situações confrontadoras para que você possa exercer a paciência, mas o intuito dele é um só: fazê-lo uma pessoa cada vez mais parecida com Jesus Cristo.



Decisão final: Compartilhe com alguém do grupo alguma situação que faz você constantemente perder a paciência e aproveite a ocasião para tentar descobrir, em oração, a raiz deste comportamento.


Deus abençoe!!